From 1 - 6 / 6
  • Categories  

    A Base Contínua de Vegetação do Brasil, parte integrante do Banco de Dados e Informações Ambientais (BDiA), é um produto do projeto Mapeamento de Recursos Naturais do IBGE que, em sua constituição, inclui também as bases de dados de Geologia, Geomorfologia e Pedologia, ajustados à Base Cartográfica Contínua do Brasil na escala 1:250 000 (BC250). O mapeamento de vegetação abrange a cobertura da terra do território nacional, conforme a classificação da vegetação brasileira utilizada pelo IBGE. As informações foram produzidas em formato digital, no período de 1997 a 2017, a partir da compilação de dados existentes, interpretação de imagens orbitais, expedições de campo e pesquisa bibliográfica. O produto vetorial é disponibilizado com informações tabulares complementares sobre a classificação. Os métodos utilizados no mapeamento são descritos no Manual Técnico da Vegetação Brasileira do IBGE. Este grupo de camadas organiza a visualização da Base Contínua de Vegetação do Brasil por Unidades da Federação 1° Nível (não existente neste grupo, enquadramento de tela direto para o Nível 2); 2° Nível (escala de visualização na tela entre 1:5 000 000 e 1:400 000): Cobertura Vegetal e outras áreas (predominante) 3° Nível (escala de visualização na tela maior 1:400 000): Limites das unidades de mapeamento e sua respectiva legenda de classificação.

  • Categories  

    A Base Contínua de Vegetação do Brasil, parte integrante do Banco de Dados e Informações Ambientais (BDiA), é um produto do projeto Mapeamento de Recursos Naturais do IBGE que, em sua constituição, inclui também as bases de dados de Geologia, Geomorfologia e Pedologia, ajustados à Base Cartográfica Contínua do Brasil na escala 1:250 000 (BC250). O mapeamento de vegetação abrange a cobertura da terra do território nacional, conforme a classificação da vegetação brasileira utilizada pelo IBGE. As informações foram produzidas em formato digital, no período de 1997 a 2017, a partir da compilação de dados existentes, interpretação de imagens orbitais, expedições de campo e pesquisa bibliográfica. O produto vetorial é disponibilizado com informações tabulares complementares sobre a classificação. Os métodos utilizados no mapeamento são descritos no Manual Técnico da Vegetação Brasileira do IBGE. Esta camada intermediária de apoio viabiliza a consulta de feições de área da Base Contínua de Vegetação do Brasil por limites dos Municípios (BC250 - Versão 2019).

  • Categories  

    A Base Contínua de Vegetação do Brasil, parte integrante do Banco de Dados e Informações Ambientais (BDiA), é um produto do projeto Mapeamento de Recursos Naturais do IBGE que, em sua constituição, inclui também as bases de dados de Geologia, Geomorfologia e Pedologia, ajustados à Base Cartográfica Contínua do Brasil na escala 1:250 000 (BC250). O mapeamento de vegetação abrange a cobertura da terra do território nacional, conforme a classificação da vegetação brasileira utilizada pelo IBGE. As informações foram produzidas em formato digital, no período de 1997 a 2017, a partir da compilação de dados existentes, interpretação de imagens orbitais, expedições de campo e pesquisa bibliográfica. O produto vetorial é disponibilizado com informações tabulares complementares sobre a classificação. Os métodos utilizados no mapeamento são descritos no Manual Técnico da Vegetação Brasileira do IBGE. Este grupo de camadas organiza a visualização da Base Contínua de Vegetação do Brasil por Biomas com legenda dinâmica ativada de acordo com o zoom na tela: 1° Nível (escala de visualização na tela menor que 1:5 000 000): Regiões Fitoecológicas e outras áreas 2° Nível (escala de visualização na tela entre 1:5 000 000 e 1:400 000): Cobertura Vegetal e outras áreas (predominante) 3° Nível (escala de visualização na tela maior 1:400 000): Limites das unidades de mapeamento e sua respectiva legenda de classificação.

  • Categories  

    A Base Contínua de Vegetação do Brasil, parte integrante do Banco de Dados e Informações Ambientais (BDiA), é um produto do projeto Mapeamento de Recursos Naturais do IBGE que, em sua constituição, inclui também as bases de dados de Geologia, Geomorfologia e Pedologia, ajustados à Base Cartográfica Contínua do Brasil na escala 1:250 000 (BC250). O mapeamento de vegetação abrange a cobertura da terra do território nacional, conforme a classificação da vegetação brasileira utilizada pelo IBGE. As informações foram produzidas em formato digital, no período de 1997 a 2017, a partir da compilação de dados existentes, interpretação de imagens orbitais, expedições de campo e pesquisa bibliográfica. O produto vetorial é disponibilizado com informações tabulares complementares sobre a classificação. Os métodos utilizados no mapeamento são descritos no Manual Técnico da Vegetação Brasileira do IBGE. Este grupo de camadas organiza a visualização da Base Contínua de Vegetação do Brasil com legenda dinâmica ativada de acordo com o zoom na tela: 1° Nível (escala de visualização na tela menor que 1:5 000 000): Regiões Fitoecológicas e outras áreas 2° Nível (escala de visualização na tela entre 1:5 000 000 e 1:400 000): Cobertura Vegetal e outras áreas (predominante) 3° Nível (escala de visualização na tela maior 1:400 000): Limites das unidades de mapeamento e sua respectiva legenda de classificação.

  • Categories  

    A Base Contínua de Vegetação do Brasil, parte integrante do Banco de Dados e Informações Ambientais (BDiA), é um produto do projeto Mapeamento de Recursos Naturais do IBGE que, em sua constituição, inclui também as bases de dados de Geologia, Geomorfologia e Pedologia, ajustados à Base Cartográfica Contínua do Brasil na escala 1:250 000 (BC250). O mapeamento de vegetação abrange a cobertura da terra do território nacional, conforme a classificação da vegetação brasileira utilizada pelo IBGE. As informações foram produzidas em formato digital, no período de 1997 a 2017, a partir da compilação de dados existentes, interpretação de imagens orbitais, expedições de campo e pesquisa bibliográfica. O produto vetorial é disponibilizado com informações tabulares complementares sobre a classificação. Os métodos utilizados no mapeamento são descritos no Manual Técnico da Vegetação Brasileira do IBGE. Esta camada de apoio permite a visualização, sobreposta as demais informações do mapeamento, das áreas de Contatos (Ecótonos e Encraves) do Brasil.

  • Categories  

    A Base Contínua de Vegetação do Brasil, parte integrante do Banco de Dados e Informações Ambientais (BDiA), é um produto do projeto Mapeamento de Recursos Naturais do IBGE que, em sua constituição, inclui também as bases de dados de Geologia, Geomorfologia e Pedologia, ajustados à Base Cartográfica Contínua do Brasil na escala 1:250 000 (BC250). O mapeamento de vegetação abrange a cobertura da terra do território nacional, conforme a classificação da vegetação brasileira utilizada pelo IBGE. As informações foram produzidas em formato digital, no período de 1997 a 2017, a partir da compilação de dados existentes, interpretação de imagens orbitais, expedições de campo e pesquisa bibliográfica. O produto vetorial é disponibilizado com informações tabulares complementares sobre a classificação. Os métodos utilizados no mapeamento são descritos no Manual Técnico da Vegetação Brasileira do IBGE.